Who’s Next arranca na sexta-feira em Paris em plena greve dos transportes



14 de janeiro de 2020
por: admin

De 17 a 20 de janeiro, o salão de moda e acessórios Who’s Next decorre no Parc des Expositions, na Porte de Versailles, em Paris. Um evento organizado pela WSN, onde irão expôr 1.300 marcas francesas e internacionais (600 de prêt-à-porter e 700 de acessórios e lifestyle), incluindo 300 recém-chegados. O período é marcado pelo movimento contra a reforma do sistema de pensões, envolvendo greves nos transportes e manifestações em Paris. A organização se mostra, no entanto, tranquilizadora: “Reforcámos os dispositivos de transporte entre os aeroportos e a feira e vamos ter transfers gratuitos a partir das quatro estações da capital.” Serviços pensados em colaboração com os outros eventos que se realizam no Parc des Expositions, o Salon International de la Lingerie e a Bijorhca.

Os transfers dos aeroportos parisienses Orly e Roissy estarão à disposição dos visitantes durante os quatro dias da feira, a um ritmo de uma viagem a cada 30 minutos. A partir das estações ferroviárias parisienses (Gare du Nord, Saint Lazare, Gare de Lyon, Montparnasse), haverá um serviço de transfers a cada 15 minutos. Além disso, será oferecido aos visitantes um código de desconto de 50% com a empresa VTC Kapten. Também foi negociado um desconto com a empresa de trottinettes Dott.

Decorrendo em torno do tema Mirror Palace para falar sobre “a ideia da conceção e do material, do real e do imaginário”, esta edição marca o regresso do Impact, o espaço dedicado à responsabilidade ecológica na moda, que estreou com sucesso em setembro passado. Instalado na entrada do hall 6, este receberá marcas comprometidas com desenvolvimento sustentável, como Ekyog ou La Gentle Factory, mas também coletivos (Fashion Green Days, SloWeAre) e prestadores de serviços (como a Disruptual).

O espaço será também palco de conferências sobre sustentabilidade e a circularidade na moda, mas não já não irá receber o público em geral, e isso a pedido dos profissionais. Este ano, o Impact também deverá estar disponível sob outras formas fora do Who’s Next, integrando, por exemplo, o salão Première Classe no final de fevereiro.

Neste início de 2020, após terem sido reagrupados no outono passado em dois halls, os players da moda passam por mais uma reorganização, estabelecendo-se nos halls 4, 5.2 e 6. Sempre com o objetivo de “propor um percurso claro”. O espaço Trendy ficará instalado no hall 6, com Molly Bracken, La Petite Etoile ou ainda Oxbow e Morgan, estas duas a assinalarem a sua chegada ao salão. No hall 4, as marcas Leon & Harper, Antik Batik e Mes Demoiselles serão reunidas sob a bandeira Fame.

O restante do prêt-à-porter irá dividir-se entre os halls 4 e 6: entre os recém-chegados estão 7 Seasons, Creenstone ou Vicher. Por fim, o espaço street What’s Up mistura vestuário e acessórios no hall 6, com Von Dutch, Camper e Desigual.

Nos acessórios, o calçado (Rivecour, Anthology Paris…) também ficará localizado no hall 6, enquanto as carteiras e artigos de couro (Petite Mendigote, Abaco Paris, Thule…) estarão no hall 5.2, com as joias e os acessórios têxteis. Os espaços temáticos Inside, dedicados ao lifestyle e à decoração, e La Villa Beauté, dedicada aos cosméticos green, também estão de volta para esta edição.

Entre os eventos que pontuam o salão estão o espaço Fashion Scene (hall 6), onde serão apresentados vários talentos do amanhã, incluindo os três vencedores da competição Lab.Scene; ou ainda o bar de cerveja do espaço What’s Up, no qual o artista street Bebar personalizará jeans da marca Lois.

Durante a edição anterior, em setembro passado, o Who’s Next registou 43.675 visitas, o que representou um ligeiro aumento em comparação com setembro de 2018 (+0,4%).

Fonte: Fashion Network | Imagens: reprodução 

Comments are closed.